• EUR
  • PT

Evento

26 Jan

Encontros com Pequenos Produtores (EPP)

Prova Gratuita — Loja da Conceição, 16h. às 18h

Na Garrafeira Nacional, onde não faltam referências conhecidas por todos, acreditamos que também existe espaço para os produtores mais pequenos e porque privilegiamos o estreito contacto dos nossos clientes com cada produtor, divulgamos os seus produtos de excelência para que estes sejam conhecidos e apreciados por um público cada vez mais exigente. Junte-se a nós neste encontro e venha provar projetos de nicho com origem no território nacional, esperamos por si na loja da Conceição!

PRODUTORES
EM PROVA

Casa de Saima

Situada no centro da região demarcada da Bairrada com 20 hectares de vinha, a Casa de Saima está ligada à produção de vinhos de qualidade. Os vinhedos da Casa de Saima estão distribuídos por pequenas parcelas de terreno, situadas nos melhores ‘’terroir’’ da região, avivando a paisagem com o seu traço característico. Na Casa de Saima coexistem vinhas velhas, plantadas de modo irregular, com vinhas mais modernas de compasso ordenado. Na Casa de Saima o vinho é uma herança cultural!

António Madeira

Antonio Madeira, francês luso-descendente, tem as suas raízes familiares no sopé da Serra da Estrela, sub-região do Dão. Nestas terras altas, Antonio acredita que se encontra o coração histórico do Dão, a zona que apresenta maior potencial para vinhos de guarda, a zona onde os vinhos se mostram mais finos, frescos, austeros e minerais. Desde 2010, Antonio Madeira tem vindo a pesquizar nesta sub-região os sítios que os nossos antepassados elegeram como os melhores para vinha, aqueles que poderíamos chamar de « Grands Crus do Dão serrano ».

Quinta do Lagar Novo

A Quinta do Lagar Novo está situada a 35km de Lisboa, em Alenquer. Foi adquirida pela Família Elias Gonçalves de Carvalho, nos anos 40. O nome Lagar Novo surge em 1742, altura em que foram construídos dois lagares de vara e fuso. Após 30 anos de uva de mesa, em 2005, arranca uma nova era, com a plantação de quatro castas. Um ano depois foram vinificadas as primeiras uvas na adega, três referências que se mantêm: Chardonnay, Viognier e 5ª do Lagar Novo. A estas juntou-se mais tarde o Arinto e o Marsanne.

Quinta Do Arrobe

“O nosso vinho é uma conquista, fruto de um saber que, atravessa um sonho antigo, iniciado pelo nosso bisavô que plantou as primeiras vinhas em 1882. Hoje, este é o vinho do século XXI, que o leva a viajar pelos sentidos, numa experiência mágica e sublime.” Na Quinta das Casas Altas no coração do Ribatejo, perto de Santarém, em Casével, em terrenos argilo-calcários de encosta desenvolve-se uma ideia imutável de produzir vinhos de qualidade, tirando proveito das condições edafoclimáticas, com total respeito pelas riquezas naturais, história e ambiente únicos da região.