• RUB
  • RU

Событие

29 Feb

Encontros com Pequenos Produtores (EPP)

Prova Gratuita — Loja da Conceição, 16h. às 18h

Na Garrafeira Nacional, onde não faltam referências conhecidas por todos, acreditamos que também existe espaço para os produtores mais pequenos e porque privilegiamos o estreito contacto dos nossos clientes com cada produtor, divulgamos os seus produtos de excelência para que estes sejam conhecidos e apreciados por um público cada vez mais exigente. Junte-se a nós neste encontro e venha provar projetos de nicho com origem no território nacional, esperamos por si na loja da Conceição!

PRODUTORES
EM PROVA

Mestre Daniel - XXVI Talhas

O projecto XXVI Talhas presta homenagem à tradição milenar da produção de vinho de talha.
Em Vila Alva, aldeia típica localizada no coração do Alentejo, há uma grande cultura e tradição de fabrico de vinho através deste método artesanal, introduzido pelos romanos há mais de dois mil anos. O "saber fazer" tem passado de geração em geração, o que permitiu que esta técnica de produção seja uma realidade nesta aldeia até aos dias de hoje.
Com a reactivação da antiga Adega do Mestre Daniel procuram preservar, estimular e promover este método de vinificação que, por vários motivos, tem vindo a diminuir nos últimos anos. É nesta adega, em Vila Alva, que produzem o vinho de talha segundo os métodos tradicionais.


Altas Quintas

João Lourenço: Com a "Obsessão" em produzir vinhos únicos em todo o Alentejo, está estabelecido na Serra de São Mamede desde a década de 90 (actualmente na Herdade Porto da Bouga). As vinhas encontram-se num Terroir muito especial; localizam-se a 600 metros de altitude, num planalto que se desenvolve de uma forma única, em plena Serra de São Mamede. A altitude, as condições do mesoclima desta zona e os solos tornam este local tão especial.
Os vinhos são produzidos com uvas colhidas em vinhas modernas, e também com uvas provenientes de vinhas tradicionais/velhas de pequenos produtores na Serra.


Talha Pezgada

O vinho da talha, que agora ganhou o nome Talha Pezgada, existe há mais de 30 anos, e sempre esteve presente na nossa vida familiar. O nosso pai, Marcelino Pereira, sempre foi produtor de vinho de talha, e nós desde crianças que acompanhamos os afazeres da vindima e todo o processo que (acompanha) da produção do vinho.
O Pai Marcelino tem produzido este néctar com a mesma dedicação e carinho com que começou a plantar a sua vinha aos 12 anos juntamente com o nosso avô. Temos bem presente na memória a imagem do nosso Pai e do Tio Ferro no ripanço a esmagarem a uva com a força dos braços. E depois das massas dentro das talhas era necessário pegar no rodo e subir às talhas, duas vezes por dia, para mexer o vinho, lá ia o Pereira acima das talhas, algo que se mantém até aos dias de hoje.
Todo o trabalho à volta do vinho exige garra, força física e, ao mesmo tempo, um género de sexto sentido que de forma praticamente intuitiva ajuda a dar o toque de mestre. Sem dúvida que o toque de mestre pode ser transmitido, tal como se ensina qualquer técnica, mas é, sem dúvida, a experiência adquirida ao longo dos tempos e a paixão pelo que se faz que originam o melhor néctar e aprimoram esta arte.
“O vinho do Pereira”, como se diz na aldeia, sempre se vendeu com facilidade, e como a quantidade não era muita, nunca se tinha pensado na criação de uma marca nem na certificação do vinho. “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades”, e decidimos dar um passo em frente. Eu, Ana Pereira, ganhei afeição por toda esta prática, decidi desafiar-me, e estou neste momento a terminar o mestrado em Viticultura e Enologia. Em família criámos o Talha Pezgada, inspirado no revestimento das talhas que utilizamos, que é uma mistura de pez louro e cera de abelha.


Adega Marel

Projecto vitivinícola, na Amareleja, inspirado pela valorização do vinho de talha, das vinhas velhas e castas tradicionais, numa permanente exploração de técnicas e metodologias enológicas, de carácter experimental. As nossas vinhas, velhas e novas, totalizam cerca de 11 ha, onde estão presentes as castas Antão Vaz, Diagalves, Rabo-de-Ovelha, Alicante Bouchet, Aragonez, Moreto, Touriga Nacional e Trincadeira. Este ano tivémos uma produção total de cerca de 32.000L, que se irão dividir entre 3 Marcas: Marel, Manolito e Tonico (vinho de talha).


Localização
  • Loja Conceição
    Rua da Conceição 20/26
    1100-227 Lisboa - Portugal

    Seg. a Dom.: 10h00 - 21h00